Mudanca.com
Mudanca.com
No Google Play Na App Store

Divide apartamento? Saiba se chegou a hora de morar sozinho

Você divide apartamento e está pensando em ir morar sozinho? Então confira a seguir algumas dicas para saber se é o momento certo para a mudança.

21 Nov 2018 Organização da mudança - Leitura: min.

mudança

Nada melhor do que ter o seu próprio cantinho e poder cuidar das suas coisas da sua maneira, não é mesmo? Ter mais liberdade para chamar os amigos para um happy hour em casa, ou então poder aproveitar as suas horas livres para descansar ou ver tv, sem precisar se importar se está incomodando alguém. Poder sair e chegar tarde, sem ter que entrar de fininho para não acordar ninguém. Decorar o apartamento do seu jeito, pintar aquela parede com a cor que você tanto gosta e até mesmo comprar aquele móvel que você acha legal.

Essas são algumas vantagens de morar sozinho, e certamente alguns dos motivos pelos quais algumas pessoas tomam essa decisão. Porém, quem divide apartamento percebe nessa hora o quanto é complicado sair para morar sozinho sem gerar desavenças com a pessoa que tem sido parceira por tanto tempo. Desde a hora em que foi dada a notícia até o momento da retirada dos pertences do apartamento, é preciso enfrentar um processo que muitas vezes não é tão agradável para ambos os moradores.

As incertezas com o futuro e as novas expectativas podem gerar conflitos que precisam ser tratados com cuidado para que tudo ocorra da melhor forma possível. Além disso, o fato de começar a ter uma responsabilidade maior na administração do seu próprio apartamento, no planejamento, pagamento de contas e compras do mês, só aumentam a tensão nesse período. Mas como lidar com isso e sair numa boa?

Como saber se é realmente o momento certo de se mudar e se planejar para que tudo corra bem? Confira a seguir.

1) Planejamento

Se você chegou à conclusão que o melhor é ir morar sozinho, então a primeira coisa a ser feita é se planejar antes de sair do apartamento onde vive. Os lados positivos e negativos dessa decisão precisam ser colocados no papel, para visualizar se esse é o melhor momento para tomar essa decisão.

A independência tem um preço e começar uma nova vida morando sozinho pode ser assustador se você não se planejou antes. A parte financeira é essencial para que você possa aproveitar de verdade o seu novo cantinho sem passar necessidades ou se arrepender de ter se mudado.

É preciso ter em mente que no novo lar será você o responsável pelo pagamento de todas as contas. Não haverá o parceiro de apartamento para combinar algo diferente. O assunto terá que ser resolvido entre você e você mesmo. Mas isso não quer dizer que seja impossível. Um bom planejamento sempre tem resultados positivos em qualquer tipo de mudança. Coloque no papel todos os gastos que você terá e também a sua renda para ter a certeza de que você vai poder arcar com tudo sozinho.

2) Avise seu colega de apartamento o quanto antes

O planejamento é essencial não somente para quem está saindo do apartamento, mas também para quem fica. Ninguém gosta de receber uma notícia de que no próximo mês terá que pagar as contas sozinho, sem ter se programado para isso. Ou pior do que isso, se sentir enganado.

Para evitar os conflitos que o processo de mudança pode trazer, procure ser o mais transparente possível neste momento. Lembre-se de que, dependendo do seu comportamento, você poderá ganhar um aliado ou um inimigo. As possíveis dificuldades que surgirão neste momento serão bem mais fáceis de lidar se forem enfrentadas em conjunto. Afinal, quem não precisa de um apoio nessas horas?

shutterstock-144903391.jpg

3) Elimine dívidas existentes

Para poder se concentrar em uma nova etapa da vida em um apartamento que será só seu, é importante deixar para trás os velhos hábitos para se adequar à sua nova realidade. Isso fica muito mais fácil quando não se tem nada pendente no lado financeiro.

Comece economizando para quitar todas as suas dívidas e assim não vai precisar se preocupar tendo que pagar todos os meses aquela prestação antiga. Você verá como vai ser muito mais gratificante o processo de mudança tendo a sua vida financeira mais saudável.

4) Tenha um dinheiro extra guardado

Antes de se mudar, comece a guardar aquele dinheiro que sobra no fim do mês. Com a mudança para um novo apartamento você também vai precisar mudar a sua forma de pensar.

Corte aqueles gastos desnecessários com coisas que você não precisa para que essa quantia possa fazer parte de uma espécie de poupança para casos de emergência quando estiver morando sozinho.

5) Gastos com a mudança

Além dos gastos mensais no novo apartamento, você precisa também se planejar para o pagamento do transporte da sua mudança, bem como da reforma do novo apartamento, se for preciso. Aquela demão de tinta na parede, a reposição de lâmpadas queimadas e até mesmo os eletrodomésticos ou eletrônicos que você compartilhava no antigo apartamento e que ficaram por lá.

Ter que comprar um micro-ondas ou um secador de cabelos novo pode não parecer grande coisa, mas certamente farão a diferença na hora de fechar as contas do mês. Confira tudo o que vai precisar pagar ou comprar para se instalar adequadamente e tente economizar esse dinheiro antes de sair do antigo apartamento.

Se não conseguir dispor do dinheiro todo antes da mudança, mas mesmo assim não puder adiar essa decisão, procure empresas de mudança confiáveis e que oferecem condições de pagamento facilitadas.

Fotos: Mudanca.com

0 Curtir

Deixe seu comentário

INFORMAÇÃO BÁSICA SOBRE PROTEÇÃO DE DADOS
Responsável: Verticales Intercom, S.L.
Finalidades:
a) Envio de solicitação ao cliente anunciante.
b) Atividades de publicidade e prospecção comercial, por diferentes meios e canais de comunicação, de produtos e serviços próprios.
c) Atividades de publicidade e prospecção comercial, por diferentes meios e canais de comunicação, de produtos e serviços de terceiros de diferentes setores de atividade, podendo implicar repasse dos dados pessoais a esses terceiros.
d) Segmentação e elaboração de perfis para fins publicitários e para prospecção comercial.
e) Gestão dos serviços e aplicativos oferecidos pelo Site ao Usuário.
Legitimação: Consentimento do interessado.
Destinatários: Está previsto o repasse dos dados aos clientes anunciantes para atender suas solicitações de informação sobre os serviços anunciados.
Direitos: Tem o direito a acessar, retificar e eliminar os dados ou se opor ao tratamento dos mesmos ou a alguma das finalidades, bem como outros direitos, como se explica na informação adicional.
Informação adicional: É possível consultar a informação adicional e detalhada sobre Proteção de Dados em mudanca.com/proteccion_datos

Você não pode deixar de ler...